sábado, 17 de dezembro de 2011

PlayStation Vita é lançado oficialmente

By Alex



Depois de uma longa espera, o PlayStation Vita finalmente foi lançado no Japão. O novo portátil da Sony apresenta muitas novidades em relação ao PlayStation Portable, o que inclui novos métodos de controle dos aplicativos e jogos, conectividade com a internet móvel por redes 3G e o abandono definitivo das mídias UMD.

Sendo lançado ontem, o video game chegou às lojas em tempo de fazer o Natal de muita gente mais feliz. E quem está com medo de passar pelo mesmo que os consumidores que importaram o Nintendo 3DS e não conseguem achar jogos compatíveis com a região do aparelho, mais uma boa notícia. O PsVita não tem bloqueio de região.

Isso significa que jogos de qualquer lugar do mundo poderão ser utilizados no Vita, permitindo que os consoles importados do Japão funcionem com os games (que são vendidos em cartões de memória, parecidos com os SD) produzidos nos Estados Unidos, por exemplo. Os preços por lá são: 390 dólares (720 reais) para a versão 3G e 325 dólares (600 reais) para a versão Wi-Fi.

Uma das maiores novidades do sistema está nos modos de controle. Agora, além dos botões tradicionais do video game, os jogadores também vão poder comandar os games por comandos na tela touchscreen e por comandos em um painel traseiro, que também suporta ordens multitoque.



A Sony divulgou um manual para o console, que mostra algumas novidades bem interessantes. Quem quiser capturar imagens da tela vai poder fazer algo similar ao que é oferecido pelo iOS da Apple. Basta pressionar os botões PS e liga/desliga para que uma “fotografia” do seu game seja tirada.

• PlayStation Vita

• Processador: ARM Cortex-A9 quad-core;

• Memória RAM: 512 MB;

• Tela: OLED de 5 polegadas sensível ao toque;

• Resolução: 960 x 544 pixels;

•Painel traseiro: multitoque;

• Câmeras: frontal e traseira;

•Sensores: bússola de três eixos, giroscópio de três eixos e acelerômetro de três eixos;

• Localização: GPS embutido;

• Conectividade: 3G, Wi-Fi e Bluetooth.

Fonte - TecMundo

2 comentários:

IVAN STILL® disse...

QUERIA UM DESSES MAS NO BRASIL VAI SER SUPER CARO

Alex - Shift Games disse...

@Ivan Still

Realmente, com altos impostos ficará absurdo o preço aqui !